quarta-feira, 29 de maio de 2013

PM reconsidera proibição e libera máscaras do Pânico contra o Tijuana

29/05/2013
Máscara será usada pelos atleticanos no Horto

FERNANDO ALMEIDA E HENRIQUE ANDRÉ
@SUPER_FC

E na tarde desta quarta-feira, chegou ao fim o veto às “máscaras da morte”, que serão utilizadas pela torcida atleticana, na partida de quinta-feira contra o Tijuana, no estádio Independência, com o intuito de assustar o time mexicano. De acordo com o coronel Alberto Luis, da Polícia Militar, os atleticanos poderão entrar no estádio do Horto com a máscara, mas passarão por uma revista especial. "O torcedor terá de retirar a máscara para uma visualização da face. Não será admitido nenhum tipo de desculpa por causa do anonimato. Não queremos impedir que ele venha torcer, apenas estamos preocupados com a segurança de todos", disse o coronel.

Sobre a primeira decisão, de vetar o uso das máscaras, anunciada pelo coronel Antônio de Carvalho, Alberto Luis explicou à reportagem de Super FC, que aconteceu a partir de uma avaliação primária. "Ele (Cavalho) fez uma reavaliação do planejamento e julgou ser mais prudente nós não proibirmos. Entendemos que essa alusão do slogan 'Caiu no Horto está morto' não pode se traduzir na essência do texto, e sim no perder a partida, sair derrotado” afirmou.

Sobre o cadastramentos dos torcedores, que foi cogitado desde a tarde de ontem, o coronel Alberto explicou que se tratou apenas de uma hipótese, que acabou sendo descartada durante a reunião do comando. "O Coronel Santana, nosso comandante geral, desde a manhã de hoje, estava em contato com o coronel Carvalho e eles avaliaram esta situação. A avaliação da segurança é pertinente, a gente sempre fica com um excesso de zelo pela segurança do torcedor. Primeiro a gente ia cadastrar, depois, em conversas com o comandante geral, a gente preferiu permitir”, explicou.

E se existe alguém que pensa em se aproveitar das máscaras para driblar a polícia e realizar qualquer tipo de delito, o coronel deixou o seu recado: "Se o torcedor pensar que, "só porque estou de máscara eu irei promover confronto, a depredação", ele está redondamente enganado, pois a PM estará pronta para todas e quaisquer situações".

Região Serrana do Rio também participa do Dia do Desafio

29/05/2013 
Do G1 Região Serrana

Nesta quarta-feira (29), acontece o Dia do Desafio, organizado pelo Sesc em todo o Brasil. O evento busca incentivar a prática de exercícios físicos nas Américas do Sul, do Norte e Central. Milhões de pessoas participam de uma competição saudável para garantir, no mínimo, 15 minutos consecutivos de qualquer atividade física.

Diversas cidades do estado do Rio de Janeiro participam do evento, entre elas, Nova Friburgo, Petrópolis, Teresópolis e Cantagalo. Oficinas, danças, uma variedade de atividades recreativas, esportivas e competições estão na programação, que pode ser conferida no site do Sesc Rio.

O Dia do Desafio já faz parte do calendário mundial de eventos de diversos países e ganha mais adeptos a cada ano. O Brasil participa desde 1995. Em 2012, no Rio de Janeiro, 82 municípios participaram, mobilizando mais de 2,2 milhões de pessoas. O Rio de Janeiro conseguiu grande destaque em 2007, quando foi o único estado que conseguiu a adesão de 100% dos municípios.

Morador de Ouro Preto é acusado de distribuir conteúdo pornográfico com adolescentes irlandeses

29/05/2013
Um morador de Ouro Preto, região Central de Minas Gerais, é acusado de baixar e compartilhar com irlandeses menores de idade vídeos contendo cenas grotescas e bizarras de sexo explícito envolvendo crianças e adolescentes.

Conforme a Polícia Federal (PF), o suspeito, de 37 anos, foi indiciado pro crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente, podendo pegar penas entre um e 10 anos de prisão.

Segundo a PF, em janeiro de 2009 o acusado teria baixado e disponibilizado a jovens irlandeses cenas de sexo, por meio de programa de compartilhamento de arquivos do tipo peer-to-peer, que exclui a necessidade de um servidor central. Nesse esquema de compartilhamento, cada computador funciona tanto como cliente quanto como servidor.

A polícia do país europeu identificou que conexão à internet utilizada seria instalada no Brasil e acionou a Interpol. As investigações concluíram que o suspeito residia em Ouro Preto, e que, mantinha o hábito de baixar imagens de pornografia infantil e armazená-las em seu computador pessoal.

Apesar disso, a PF concluiu que o homem não abusava sexualmente de crianças e adolescentes.
Jefferson Delbem - Hoje em Dia

Por questão de segurança, PM proibirá uso de máscaras da morte em jogo do Atlético pela Libertadores

29/05/2013
Máscara pode favorecer ação de criminosos

Apesar de toda a mobilização dos torcedores do Atlético e até do apoio do atacante Diego Tardelli via redes sociais, a Polícia Militar de Minas Gerais informou que será proibido o uso da máscara da morte no interior do estádio Independência, no duelo decisivo desta quinta-feira, às 22h, contra o Tijuana, que vale vaga nas semifinais da Copa Libertadores.

A ideia inicial era de que todos os atleticanos presentes na Arena do Horto usassem roupas pretas e a famosa máscara da morte do filme "Pânico", em alusão à expressão "Caiu no Horto, tá morto", que a torcida atleticana se acostumou a cantar durante as partidas. Entretanto, conforme justificado pelo comandante do policiamento especializado da capital, coronel Antônio de Carvalho, a campanha poderia colocar em risco a segurança do torcedor, indo contra o estabelecido na Lei. Para o coronel, o uso da máscara poderia favorecer ações de pessoas de má índole.

A PM chegou a cogitar a possibilidade de fazer o cadastramento individual de cada torcedor que comparecesse à Arena Independência com a máscara para garantir a segurança do público presente, como já foi feito em outras ocasiões com instrumentos, bandeiras e até mesmo rádios. Após uma avaliação da situação, no entanto, a PM identificou que o procedimento ficaria inviável antes do confronto.

"A Polícia Militar teve uma tentativa inicial de cadastrar as máscaras, mas isso será impossível devido ao alto número de pessoas que irão ao estádio. Mas não podemos deixar as pessoas correrem o risco dessa mácula. Ela é uma máscara da morte, não remete alegria, estamos falando em um estádio, alegria e, querendo ou não, ela não favorece as nossas câmeras, de vermos quem está embaixo dela. Com isso, a prática de crimes e agressões passa a ser potencializada e sem podermos identificar o autor. Isso a gente pode ver até em filmes", explicou Antônio de Carvalho, que lembrou também da questão da comodidade do torcedor.

"Com essa quantidade que se tem de máscaras, com chuva - estamos trabalhando com a previsão -, fila, as pessoas vão acabar ficando retidas, o que não vai agradar os torcedores. Então, o que está definido é que no interior do estádio não poderá ser usada a máscara", completou.

Ainda segundo o coronel da PM, fora do estádio, o uso será liberado. Entretanto, Antônio de Carvalho alerta que as pessoas que estiverem com a máscara sofreram mais buscas e abordagens do que o normal para que seja garantida a segurança de todos. "No caso de um ato praticado por uma pessoa que está com a máscara, todos os outros que estiverem fazendo uso dela também serão tratados como suspeitos".
http://www.otempo.com.br/superfc/por-quest%C3%A3o-de-seguran%C3%A7a-pm-proibir%C3%A1-uso-de-m%C3%A1scaras-da-morte-em-jogo-do-atl%C3%A9tico-pela-libertadores-1.654541

Contra o poderoso lobby em favor da descriminação das drogas, Câmara aprova projeto que aumenta pena mínima de traficantes e regulamenta internações e comunidades terapêuticas

29/05/2013 às 4:16


De vez em quando, o Brasil se lembra de fazer a coisa certa. A Câmara concluiu ontem a votação do projeto que muda o Sistema Nacional Antidrogas — ou, para ser mais preciso, que tenta lhe dar efetividade. O texto-base, que passou por diversas mudanças (foi retirada, por exemplo, a internação obrigatória), é do correto deputado Osmar Terra (PMDB-RS), que também é médico. Ele andou apanhando de certa imprensa mais do que os… traficantes! Na verdade, o texto foi aprovado contra o poderoso lobby em favor da descriminação das drogas — que já há algum tempo pede também a não punição de “pequenos traficantes”, seja lá o que isso signifique. O texto aprovado contou com a ativa militância contrária de amplos setores do PT, especialmente dos deputados José Genoino (SP), o mensaleiro cheio de opinião, e Paulo Teixeira (SP). Felizmente, a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, costurou e bancou o acordo. Sim, ministra que é, falava em nome da presidente Dilma Rousseff. Lamentável é que setores desse mesmo governo, num caso ou de esquizofrenia ou de descoordenação, banque seminários em favor da legalização de todas as drogas, a exemplo de um ocorrido recentemente em Brasília, promovido por um órgão ligado o MEC e com apoio do Ministério da Saúde.

O texto cuja votação foi concluída ontem eleva de cinco para oito anos a pena mínima de traficantes que, atenção!!!, fizerem parte de organização criminosa. A pena máxima continua a mesma: 15 anos. O PT apresentou um destaque — contra, reitero, negociação que havia sido empreendida por Gleisi — para retirar esse dispositivo do texto. “Esse endurecimento da repressão, que não separa traficante de usuário, vai piorar a situação e criar uma falsa ilusão”, afirmou Genoino. “Com essa lei, você poderá pegar quatro pessoas fumando maconha e enquadrar como organização criminosa”, disse Teixeira.

Pela ordem: Genoino é um homem mesmo singular. Segundo entendo, ele reconhece a existência de uma “ilusão falsa” e de uma “ilusão verdadeira”. A primeira, imagino o que seja. Mas e a segunda? Vai ver é o deputado diante do espelho: “Não, você não fez nada de errado no mensalão”. Por ilusão, é falsa, mas há uma possibilidade de que ele acredite na falsidade… Quanto a Teixeira, dizer o quê? Este senhor já concedeu entrevista a site que faz proselitismo da maconha. Defende ainda que pessoas surpreendidas com uma quantidade de drogas suficiente para, ATENÇÃO!, DEZ DIAS DE CONSUMO não sejam importunadas pela lei. Um viciado em crack pode fumar 30 pedras por dia. Um rapaz de um extinto grupo musical chamado “Polegar” — Rafael Ilha — confessou publicamente que chegava a fumar… 60! Fiquemos nas 30… Teixeira quer deixar livre, leve e solto alguém flagrado com… 300 pedras! Tráfico??? Nada! Seria apenas consumo. Aquela comissão aloprada que redigiu um anteprojeto de reforma do Código Penal enviou ao Senado um texto em que propõe que seja considerada apenas “consumo” a droga suficiente para cinco dias — no caso em espécie, 150 pedras!!! Como levar essa gente a sério? O estado brasileiro seria obrigado, então, a definir a quantidade considerada, digamos, “padrão” para o consumo diário de substâncias entorpecentes. Essa conversa é de tal sorte irracional que avalio que ninguém é assim tão estúpido! Claro que não! Gente que fala essas coisas quer mesmo é a legalização das drogas e do próprio tráfico.

Daí essa conversa de “pequeno traficante”… Quem é esse? É aquele que vende droga para sustentar o pequeno vício? Em quantidades realmente pequenas, dificilmente seria enquadrado. A hipótese aventada por Teixeira é puro terrorismo argumentativo. Se quatro pessoas forem flagradas, cada uma fumando o seu cigarro de maconha, poderão até ser levadas ao juiz, que, no mais das vezes, se limitará a uma advertência. No máximo, terão de prestar serviço comunitário. Ninguém mais é preso por consumo, e Teixeira sabe disso. A lei brasileira, a 11.343, já é de uma incrível liberalidade. Aliás, depois que entrou em vigor, em 2006, o consumo de drogas aumentou muito. E nem poderia ser diferente, não é? Adivinhem qual eventual punição põe mais medo no consumidor: prisão ou, no máximo, serviço comunitário?

A nova lei traz outros aspectos importantes. Ela regulamenta a internação voluntária e a involuntária — a obrigatória foi retirada do texto. No primeiro caso, o dependente se submete ao tratamento por vontade própria; no outro, ela é feita com a autorização da família e o acompanhamento de profissionais de saúde, que precisam atestar a necessidade. O texto cuida ainda de um aspecto importante: reconhece as chamadas comunidades terapêuticas como instrumentos de reinserção do dependente que está disposto à internação. Essas entidades, hoje em dia, já recebem dinheiro público. Agora, se a lei for cumprida, seu trabalho terá o devido acompanhamento.

A questão gerou bastante polêmica, movimentada pela militância antirreligiosa — em alguns casos, beirando a cristofobia. Como há grupos evangélicos e católicos que mantêm essas entidades, começou a gritaria meio boçal: “O Estado é laico! O Estado é laico!”. Claro que é! Os religiosos, por acaso, estariam impedidos de fazer um trabalho terapêutico por isso? Ora, peçam, então, o fechamento de todos os hospitais do país ligados a entidades católicas, por exemplo. Vamos ver no que é que dá. Entidades religiosas cuidam também de orfanatos e creches. Que tal acabar com eles? Vai que as criancinhas se tornem cristãs… Ora, haverá condições, se o texto for aprovado no Senado, de passar a acompanhar o trabalho desses grupos, de fiscalizá-los adequadamente.

O texto aprovado na Câmara permite também a dedução no Imposto de Renda, por pessoas físicas e jurídicas, de doações a entidades dedicadas ao tratamento de dependentes. E estabelece uma cota de 3% de contratação de pessoas em tratamento — e sem reincidência — em obras públicas que empreguem mais de 30 trabalhadores. Oponho-me, é evidente, a esse cotismo também. Eu o considero, na verdade, absurdo. A ministra Gleisi tentou retirá-lo. Preferia que houvesse um estímulo à contratação, não a obrigatoriedade. Mas não deu. Já o PT, como partido, queria era mais: achava que os reincidentes deveriam continuar cotistas… Espero que isso caia no Senado. Prefiro que se reservem 3% das vagas aos que sabem tocar piano, oboé, clarineta… Ou aos amantes da poesia… Até aos viciados em Chicabon. Por que um ex-drogado — ou dependente em processo de cura — teria de ter um privilégio que não se concede a quem resistiu à tentação da droga? Ora…

Seja como for, o texto — entendido pelos lobbies pró-maconha e por amplos setores da imprensa como um “atraso” — é um óbvio avanço. “Avanço, Reinaldo?” Sim, segundo a ótica dos que consideram que é preciso tomar medidas que diminuam a exposição das pessoas às drogas e que lugar de traficante é na cadeia.

Genoino não acha. Nem Paulo Teixeira. “Nem o FHC!”, grita um petralha. Sim, nem FHC.

Por Reinaldo Azevedo

Universitários são presos suspeitos de tráfico em Florestal, diz polícia

28/05/2013 
Do G1 MG
Dois universitários estão presos na Região Central de Minas Gerais, suspeitos de integrar uma quadrilha de tráfico de drogas. De acordo com a Polícia Civil, outras quatro pessoas foram detidas em Florestal, na sexta-feira (24), e o grupo foi levado para um complexo penitenciário em Pará de Minas, na mesma região, onde permanecem nesta terça-feira (28).

Segundo a polícia, as investigações apontaram que o grupo organizava festas em sítios da região para facilitar o tráfico. A cidade tem um campus da Universidade Federal de Viçosa.

O delegado André Luis Cândido Ribeiro informou que, entre os detidos, há um estrangeiro. “Temos também até alguns que ainda cursam a universidade e usam dessa facilidade pra ter contato com os estudantes. Inclusive nós temos um que é estrangeiro. Nasceu na Rússia, apesar de morar no Brasil há muito tempo”, disse Ribeiro.

Com os suspeitos foram apreendidos dinheiro, celulares, balanças, uma arma, cocaína, maconha e crack. Ainda segunda a polícia, um casal chefiava a quadrilha. A mulher foi presa, mas o homem está foragido.

O delegado informou que as investigações continuam e mais pessoas podem estar envolvidas.

Polícia apreende cerca de 100 quilos de maconha em casa na Grande BH

29/05/2013
Do G1 MG

A Polícia Militar (PM) apreendeu cerca de 100 quilos de maconha dentro de uma casa na madrugada desta quarta-feira (29) em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Um casal foi preso.

De acordo com a PM, militares chegaram até a residência depois de uma denúncia anônima. Os 140 tabletes de maconha estavam dentro de sacos embaixo de uma cama.

Ainda segundo a polícia, o homem, de 28 anos, é suspeito de ser o dono da droga. Ele já tinha sido preso por tráfico e, desde 2009, cumpria prisão domiciliar.

Coronel tinha motorista à disposição para orgias

29/05/2013 
Para levar mulheres, algumas até menores, a motéis na viatura oficial do Corpo de Bombeiros durante o expediente, em 2010, o coronel Adilson de Oliveira Perinei contava até com motoristas da corporação.

Eles relataram em depoimentos à Justiça que ficavam nas proximidades esperando a hora do ‘resgate’. Como a coluna Justiça e Cidadania publicou nesta sexta-feira, o oficial foi absolvido na Auditoria de Justiça Militar por quatro coronéis por ter usado o veículo para cometer crimes. A juíza Ana Paula Figueiredo foi a única que votou pela condenação. 

Os oficiais alegaram que, como a viatura era descaracterizada e estava à disposição de Adilson, poderia ser levada para qualquer lugar. “Isso é um absurdo. No serviço público, ninguém pode fazer o que bem entende. O crime de peculato está caracterizado e o corporativismo imperou nesta decisão”, avaliou o criminalista Luiz Flávio Gomes. 

Para reverter a absolvição do coronel no julgamento dos oficiais, o promotor Bruno Guimarães vai recorrer ao Tribunal de Justiça. “É escandalosa a falta de punição. O coronel só tinha permissão para usar o carro em serviços administrativos, como visitar outro quartel, e ser pego e levado para casa”, protestou Guimarães. 

Nesta terça-feira O DIA procurou o comandante do Corpo de Bombeiros, Sérgio Simões, mas a assessoria de imprensa informou que o oficial não falaria sobre o assunto. “Esse tratamento que privilegia coronéis não deveria existir. Onze praças foram excluídos porque reivindicaram melhores salários. Mas aí os coronéis entenderam que usar o carro da corporação para cometer crimes não denigre a imagem dos bombeiros?”, questionou o presidente da Comissão da Defesa Civil da Alerj, Flávio Bolsonaro, do PP. 

Se na Auditoria de Justiça Militar, Adilson saiu incólume, na 3ª Câmara Criminal, foi condenado a 19 anos e quatro meses de prisão pelos crimes de favorecimento a prostituição e por ter fotos de sexo envolvendo menores.
ADRIANA CRUZ 
http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2013-05-29/coronel-tinha-motorista-a-disposicao-para-orgias.html

Professor foi agredido por adolescente

29/05/2013 - Juiz de Fora 

E.E.D.O.C - Monte Castelo 
Nessa terça-feira(28), por volta das 20:25 h, policiais militares atenderam uma ocorrência em que um professor, 30, foi agredido por um adolescente.

O docente estaria realizando a chamada dos alunos quando R.V.P.S,15, aproximou-se da mesa e o desrespeitou, ato contínuo um outro aluno (A), desligou o interruptor de energia (apagou a luz).

O professor foi agredido fisicamente pelo menor infrator que teria feito uso de droga, sendo apreendido pelo cometimento de ato infracional.

Na delegacia de polícia foi lavrado um T.C.O.

Tenente-coronel é preso após prejudicar investigações da Corregedoria da PM

29/05/2013 
CMBH/Divulgação

Militar recebeu honraria na Câmara Municipal de Belo Horizonte, em 2009, por trabalho na 23ª Cia

Um tenente-coronel, que ocupava o cargo de sub-corregedor da Polícia Militar, está preso desde terça-feira (28). 

Nerivaldo Izidoro Ribeiro, de 48 anos, estava atrapalhando investigações que eram feitas pela Corregedoria, algumas delas, inclusive, contra ele. 

O tenente-coronel estava em casa quando levado para o 18º Batalhão da Polícia Militar, em Contagem, na Grande BH. 

Segundo alguns militares, o policial estaria recebendo um benefício e, ao invés de estar em uma cela, ele encontra-se no alojamento do batalhão.

De acordo com a Polícia Militar o mandado de prisão preventiva foi expedido pela Justiça Militar estadual a pedido do Ministério Público. 

O objetivo da prisão do tenente-coronel da PM é tentar impedi-lo de interferir nas investigações que estão sendo feitas contra ele e de preservar a investigação em andamento.

O militar que tem 27 anos de carreira militar teria ainda, conforme PM's relataram à reportagem do Portal Hoje em Dia, envolvimento com drogas. Ribeiro está em processo de transferência para a reserva, já que ele teria criado obstáculos na apuração que estava sendo feita na Corregedoria..

Policial ganhou honraria de vereadores
Em 2009, quando ainda era major da Polícia Militar, Erivaldo Izidoro Ribeiro recebeu um diploma de honra ao mérito na Câmara Municipal de Belo Horizonte. Na época, o vereador Silvinho Rezende (PT) foi quem teve a iniciativa de conferir a honraria ao policial militar devido ao trabalho desempenhado por ele na 23ª Companhia da PM, que atende 11 bairros das regiões Leste e Nordeste da capital. Ribeiro já ocupou ainda o cargo de Venerável Mestre e integrou o Conselho Maçônico de Segurança Pública da Grande loja Maçônica de Minas Gerais.

Na cerimônia, em seu discurso, o major disse que o título representou um reconhecimento ao trabalho por ele desenvolvido. “A 23ª Companhia tem sido a que mais reduz a criminalidade em Belo Horizonte, por meio de um bom relacionamento que temos com a comunidade e das várias palestras que ministramos”, finalizou.
http://www.hojeemdia.com.br/minas/tenente-coronel-e-preso-apos-prejudicar-investigac-es-da-corregedoria-da-pm
Ana Clara Otoni

terça-feira, 28 de maio de 2013

Um baleado na Vila Ozanan e Pizzaria assaltada no Manoel Honório

28/05/2013 - Juiz de Fora 
RUA ANíbal Paiva Garcia - Vila Ozanan
Nesta terça-feira(28), por volta das 22:20 h, policiais militares atenderam uma ocorrência de tentativa de homicídio.

 As testemunhas narraram que ouviram os estampidos de arma de fogo e uma pessoa pedindo socorro.

A vítima,L.C.S, 36, teria sido encaminhada ao HPS por populares com uma lesão na orelha (E), sendo atendido e obtido alta hospitalar.

O autor não teria sido identificado pela vítima, haja vista estar utilizando uma touca tipo "ninja", quando teria aproximado-se e efetuado vários disparos com um revólver.

A Perícia se fez presente e recolheu dois projeteis.

Os dados pessoais de um suspeito foi constado no BO.
Avenida Governador Valadares - Manoel Honório
Nesta terça-feira(28), por volta das 20:50h, policiais militares atenderam uma ocorrência de roubo a pizzaria.

Quatro vítimas foram rendidas por três assaltantes, sendo que um deles seria gordo, branco, portando um revólver e uma pistola.

Um dos autores teria sido reconhecido posteriormente através de filmagens e fotografias, sendo seus dados lançados no BO.

Subtraíram quatro aparelhos celulares, documentos pessoais dos clientes, cartões bancários e aproximadamente R$ 6.000 do cofre da pizzaria.

Os assaltantes evadiram em um veículo Fiat, Palio Weekend, cor vinho e não foram localizados.

"Operação Impacto" prende 138 pessoas em 14 municípios mineiros

28/05/2013 
Hoje em Dia
Mais de dois mil policiais, entre militares e civis, participarão da ação

Mais de 130 pessoas foram presas nesta terça-feira (28) durante a "Operação Impacto", realizada simultaneamente em 14 municípios mineiros. No total, participam da ação dois mil policiais, entre civis e militares. 

Dos 138 detidos, 104 foram presos por meio de cumprimento de mandado de prisão e os outros 34 em flagrante, em virtude de cumprimento 315 mandados de prisão. Quinze adolescentes foram apreendidos. Além disso, 251 mandados de busca e apreensão foram expedidos em Belo Horizonte, Contagem, Betim, Ribeirão das Neves, Vespasiano, Juiz de Fora, Uberaba, Divinópolis, Nova Serrana, Governador Valadares, Uberlândia, Montes Claros, Ipatinga e Sete Lagoas.

Conforme a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), foram apreendidos sete tabletes de maconha, 18 buchas e um quilo da mesma droga, 396 pedras de crack, 12 armas de fogo e uma arma branca. Além 118 dolas e 898 gramas de cocaína. Foram apreendidos, também, cinco aparelhos celulares, quatro computadores, 20 veículos, uma réplica de pistola, 15 munições, envelopes plásticos e R$ 1.446,00. 

Impacto

A operação Impacto teve início no mês de abril, na Grande BH, e se expande para todo o Estado. O objetivo da ação é reduzir a criminalidade no Estado.

A ação ocorre de forma conjunta entre a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e Ministério Público é tentar controlar a criminalidade no Estado.

Segundo o secretário de Estado de Defesa Social, Rômulo de Carvalho Ferraz, as 14 cidades escolhidas para receberem a operação representam, juntas, 80% dos crimes violentos que ocorrem em todo o Estado. “A partir de agora, esta operação irá acontecer pelo menos uma vez por mês nestas 14 cidades prioritárias”, disse.

Incêndio em pátio da PM destrói 100 carros e atinge três casas em Muzambinho

28/05/2013 10:09 - Atualizado em 28/05/2013 10:09
Hoje em Dia

Os bombeiros passaram parte da madrugada desta terça-feira (28) combatendo as chamas de um incêndio no pátio da Polícia Militar de Muzambinho, no Sul de Minas. O fogo começou por volta das 23:15 h e destruiu cerca de 100 carros. Além disso, três casas foram atingidas parcialmente.

Os danos foram apenas materiais, ninguém ficou ferido. Os carros tiveram perda total. As casas devem ser vistoriadas nesta terça-feira (28) pela Coordenadoria de Defesa Civil (Comdec) da cidade. Caso o fogo não tenha atingido a estrutura das residências, os imóveis devem ser liberados para a moradia das pessoas.

Ao todo, quatro caminhões pipas foram usados para combater as chamas, além de quatro militares do Corpo de Bombeiros.

Estado quer punir policial civil que divulgar dados. Norma está em projeto que atualiza Lei Orgânica da corporação

28/05/2013

JHONNY CAZETTA

Os policiais civis de Minas Gerais podem ficar proibidos de divulgar à imprensa dados ou documentos oficiais, mesmo que não sejam sigilosos. A determinação está no substitutivo à Proposta de Lei Complementar (PLC) n° 23/2012, enviada à Assembleia Legislativa pelo governo estadual na semana passada, e ainda deverá ser analisada pelos deputados. O texto classifica a divulgação como uma transgressão de nível médio e prevê punição aos agentes que a desrespeitarem.

A lei orgânica da corporação ainda em vigor é do ano de 1969 e já proíbe a publicação de “fatos ocorridos na unidade policial” que possam causar escândalos ou prejudicar a imagem da Polícia Civil. A diferença, agora, é que os agentes não podem divulgar, além dos fatos, dados nem documentos oficiais, mesmo que não sejam sigilosos. Antes, também, não havia previsão de punição.

Segundo a assessoria da Polícia Civil, as punições aos policiais que infringirem a lei podem ser advertência, afastamento e até mesmo demissão. Sobre a expressão “documento oficial”, o órgão informou que se trata de qualquer papel pertencente à instituição, inclusive registros de ocorrências, escutas e inquéritos.

“Eles querem ter o controle total da informação, centralizando tudo na chefia. Essa Lei Orgânica, no nosso modo de ver, é inconstitucional porque fere nossa liberdade de expressão”, criticou o vice-presidente do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil de Minas Gerais (Sindpol), Antônio Pereira.

Já a presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais, Eneida Costa, informou que “ainda não está na hora de comentar a proposta”.

Resposta. Em nota, a assessoria da Polícia Civil informou que o item não visa censurar a imprensa e que o órgão “mantém a transparência de suas ações ao organizar o fluxo de informações como forma de preservar o andamento das investigações, segundo a avaliação da autoridade que preside o inquérito e é responsável pelas unidades policiais”. 

Tentativa de homicídio na Vila Ideal em 27/05/2013

28/05/2013 - Juiz de Fora 

Rua Olegário Pinto - Vila Ideal
Nessa segunda-feira(27), a UR 0906 socorreu H.B.T,28, vítima de projeteis de arma de fogo.

No HPS ficou constatada uma perfuração no tórax e outra no pescoço, estando inconsciente e encaminhado ao centro cirúrgico. 

Populares relataram que os autores seriam os irmãos Weber,21, vulgo "Bim" e Wendel,19, vulgo "Pintinho".

A dupla teria embarcado em um veiculo Chevette de cor marrom e evadido.

Policiais militares registraram a ocorrência na delegacia.

PM prendeu um assaltante da padaria

28/05/2013 - Juiz de Fora 

Rua / bairro - Marumbi
Nessa segunda-feira(27), a vítima,26, narrou aos policiais militares que dois indivíduos teriam assaltado seu estabelecimento comercial.

Durante o rastreamento um dos autores foi visualizado e homiziou-se em um matagal.

Foi acionado o Canil da 3ª CME, abordado o suspeito que portava R$50,00 e 01 revólver da marca Rossi com cinco cartuchos intactos.

O autor foi atendido no HPS, confirmou que seu comparsa atenderia pela alcunha de "Gaguim", foi constatada a existia em seu desfavor um Mandado de prisão em aberto.

A ocorrência foi registrada na delegacia, sendo a prisão em flagrante delito ratificada.

Petrobras terá de pagar spa a ex-empregada obesa

PUBLICADO EM 28/05/13 
DA REDAÇÃO

A Petrobras terá que arcar com os custos de um spa de luxo na Bahia para uma ex-funcionária, aposentada desde 2008, que possui obesidade mórbida. As despesas serão suportadas até a regressão da doença, segundo decisão unânime da Oitava Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que confirmou decisão anterior do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (BA).

As decisões levam em conta que a internação na clínica de emagrecimento é procedimento coberto pela assistência de saúde da Petrobras e que, segundo as provas apresentadas no processo, a ex-empregada não poderia passar por cirurgia bariátrica, restando como única alternativa sua internação na clínica. Além disso, consta que a Petrobras não apresentou clínica alternativa, que não fosse esta, considerada “de luxo”.

A Petrobras recorreu ao TST após a derrota no TRT, alegando que a condenação a obrigava a arcar com “elevadíssimos custos de internamento em um spa de luxo” e geraria desequilíbrio no programa Assistência Multidisciplinar de Saúde (AMS), prejudicando os demais beneficiários.

Afirmou também que o plano já oferecia tratamento e controle de obesidade, cirurgia bariátrica, endocrinologia e atendimento em grupos para distúrbios de nutrição e metabolismo.

A relatora do caso no TST, ministra Dora Maria da Costa, destacou que a trabalhadora, com mais de 70 anos, em decorrência da obesidade, foi acometida de diversas patologias, como hipertensão arterial sistêmica grave, insuficiência cardíaca, artrose nos joelhos e infarto.
Fonte Jornal O Tempo.com.br

segunda-feira, 27 de maio de 2013

CERESP - Recuperandos teriam provocado incêndio em cela

27/05/2013 - Juiz de Fora
Rua da Passagem - CERESP - Linhares 

Nesta segunda-feira(27), por volta das 20:00 h, teria ocorrido um incêndio em uma das celas do CERESP provocado por recuperandos.

A Seds informou que há superlotação na unidade, que tem capacidade para 332 presos, mas atualmente mantém 885 pessoas detidas.

Quatro internos foram vítimas de queimaduras, sendo um deles lesionado em mais de 60% do corpo e permaneceu internado.

Rafael Sestalo de Souza, 25, Ramon Henrique Miranda, 27, Wallace Barbosa Gonçalves, 19, e Maycon Mendes de Souza, 26, estão presos por roubo, de acordo com a Secretaria e sofreram queimaduras de 2º e 3º graus.

Todos os atingidos, mais de 13, foram atendidos em Unidades de Saúde e HPS, sendo os primeiros socorros praticados pelas equipes do Ambulatório do CERESP, do Corpo de Bombeiros, SAMU e RESGATE.

As chamas foram debeladas pelo Corpo de Bombeiros que atuaram também no rescaldo.

Os Agentes Penitenciários mantiveram em seus postos, atuaram na esfera de suas atribuições e evitaram uma provável tentativa de fuga ou rebelião.

A PM se fez presente, adotou os procedimentos pertinentes e registrou o ocorrido na delegacia.

Será instaurada pela direção do CERESP um procedimento para apurar as causas do acontecimento.

OAB-JF e Comissão de direitos humanos devem acompanhar o desfecho do caso, bem como a Polícia Civil investigará o fato.

Operação da PF pretende desarticular quadrilha de empresários e servidores públicos

PUBLICADO EM 27/05/13
FERNANDA VIEGAS

Até o momento, treze pessoas foram presas durante a operação Sertão Veredas da Polícia Federal em Montes Claros, no Norte de Minas, que teve início às 6h desta segunda-feira (27). O objetivo do trabalho é desarticular organização criminosa suspeita de desviar recursos públicos de municípios da região.

Além disso, a polícia já apreendeu R$ 600 mil em cheque e mais de R$ 60 mil em dinheiro.

Os policiais cumprem simultaneamente a 45 mandados judiciais, sendo dez mandados de busca e apreensão, 21 mandados de sequestro de valores, bens móveis e imóveis e 14 mandados de prisão. A operação abrange cidades de três Estados: Montes Claros, São Francisco, Itaracambi, Januária, Manga e Janaúba em Minas Gerais; Vitória da Conquista e Prado, na Bahia e Guarapari, no Espírito Santo. Participam da operação cem policiais de diversas regiões do País.

A quadrilha, formada por empresários, servidores públicos e agentes políticos, atuantes, principalmente, nos municípios de Januária/MG e Itacarambi/MG, frauda processos licitatórios, direcionando as contratações para as empresas integrantes da organização criminosa. Obras públicas, em áreas diversas da construção civil, pavimentação de vias públicas, manutenção de estradas e de locação de máquinas para a limpeza urbana não são sequer fiscalizadas e os servidores públicos envolvidos no esquema atestavam a sua conclusão mesmo quando incompletas ou inexistentes. Por outro lado, as empresas investigadas emitem notas fiscais frias sobre trabalhos, que, sequer, teriam sido executados, ou foram realizados em desacordo com as especificações do projeto.

As verbas desviadas são, imediatamente, aplicadas em bens, móveis e imóveis, localizados em outros estados brasileiros, que são colocados em nome de outros empresários e de “laranjas”, ligados aos principais membros da organização criminosa. As investigações apontam um desvio que pode superar a quantia de R$ 5 milhões.

Ainda, foi determinado o afastamento do sigilo bancário e fiscal dos investigados, bem como a indisponibilidade dos bens das pessoas físicas e jurídicas envolvidas.

Os presos responderão por crimes contra a administração pública, formação de quadrilha, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. Uma vez condenados, as penas máximas aplicadas aos crimes podem ultrapassar 30 anos.

Nos últimos dois anos, mais de dez operações de combate ao desvio de recursos públicos foram deflagradas pela Polícia Federal na região.

Ministério Público de Minas Gerais, por meio da Coordenadoria do Patrimônio Público, atuou conjuntamente com a Polícia Federal para o desmonte da organização criminosa.

Com informações da Polícia Federal

Rifle com poder de fuzil usado por quadrilhas de roubo a bancos é apreendido

27/05/2013 16:44:50 
PJC-MT
Um rifle com poder de destruição de fuzil, utilizado por quadrilhas de roubo a bancos, foi apreendido nesta segunda-feira (27.05), nas investigações da operação “Sapatinho Nobre”, conduzidas pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Judiciária Civil, no município de Nobres (146 km Médio-Norte).

O rifle 30-30, de fabricação americana, e dez munições de fuzil foram encontrados no quintal da casa de Ulisses Batista da Silva, 29, conhecido por “Negão”, integrante da quadrilha que em janeiro deste ano assaltou a cooperativa do Sicredi, em Nobres, na modalidade “Sapatinho”, quando a família do gerente é feita refém. 

O armamento foi localizado em ação conjunta de policiais civis e militares da cidade de Nobres e o GCCO. Junto com o rifle foi autuado em flagrante Adão Benedito da Ressurreição, 21 anos, e Cláudio Raimundo, 26, conhecido por “Caiao”. Os dois ajudavam a esconder a arma, comprada por Ulisses Batista da Silva, preso na última quinta-feira (23.05), por policiais da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), na porta do Fórum, em Cuiabá, em cumprimento de mandado de prisão preventiva.

Os presos Adão e Cláudio foram autuados pelo GCCO por posse irregular de arma de fogo de uso restrito das Forças Armadas e formação de quadrilha ou bando.

De acordo com o delegado chefe do GCCO, Flávio Henrique Stringueta, a investigação começou com informações de uma organização criminosa que aluga e fornece armas para outras quadrilhas no cometimento de crimes no Estado de Mato Grosso, principalmente roubo a bancos. “Desde janeiro investigávamos quando descobrimos a participação de Ulisses no ‘sapatinho’. Ele apareceu com essa ramificação”, destacou o delegado. “A gente acredita que tenha outras armas com essa quadrilha”, completou o delegado.

De acordo Stringueta, na sexta-feira (24.05) passada policiais do GCCO, em conjunto com policiais civis e militares de Nobres, cumpriram buscas em três residências a procura do armamento, mas nada foi encontrado. Para o delegado, as arma apareceu nesta segunda (27) por conta do cerco das investigações em cima da quadrilha, que estaria ameaçando policiais civis e militares em Nobres. “A união das forças policiais resultaram nessa apreensão”, elogiou.

O inquérito policial do assalto à Cooperativa Sicred foi concluído no começo do mês de abril pelo delegado chefe do GCCO, Flávio Henrique Stringueta, que indiciou nos crimes de extorsão mediante sequestro e formação de quadrilha Heverlon Rodrigues Campos, 21, o “Pepe”, Joas Santos Bruno, 19, e Paulo Terra Junior, 37, o “Paulista”, que se encontram foragidos e Ulisses Batista da Silva. 

Os três foragidos estão com mandado de prisão preventiva, decretados pela Vara Especializada de Combate ao Crime Organizado, Crimes Contra a Ordem Tributária, Econômica e Contra a Administração Pública.

As investigações contaram com o apoio da Delegacia da Polícia Judiciária Civil de Nobres que contribuíram eficazmente para o êxito da operação “Sapatinho Nobre”.
Cuiabá - MT - 27/05/2013

27/05/2013 - Assaltos: Transeuntes/ Taxista e Cobrador de ônibus

27/05/2013 - Juiz de Fora 

Rua Batista de Oliveira 
Nesta segunda-feira(27), por volta das 03:10 h, policiais militares atenderam uma ocorrência de roubo.
A vítima,18, narrou que foi surpreendida por um indivíduo que portava uma faca que anunciou o roubo e lhe subtraiu R$5 e um aparelho celular Iphone. 

Rua Tiradentes - Jardim Santa Helena
Por volta das 04:30 h, a vítima,27, taxista, narrou aos policiais militares que foi surpreendido por dois indivíduos e que um deles portava um revólver.
Os autores teriam subtraído mais de R$ 510,00, uma jaqueta de cor preta e a chave do veículo.

Rua Heitor Inácio - Santa Efigênia 
Por volta das 04:45 h, a vítima,30, cobrador, narrou aos policiais militares que um indivíduo havia embarcado no coletivo e teria anunciado o assalto.
O autor de posse de uma faca teria subtraído R$3,00.

Os autores não foram localizados e as ocorrências foram registradas nas delegacias.

Roubos(assaltos) ocorridos no domingo 26/05/2013

27/05/2013 - Juiz de Fora
Imagens ilustrativas
Avenida Garibaldi Campinhos - Vitorino Braga 
Nesse domingo(26), por volta das 12:25 h, policiais militares registraram que a vítima,31, foi roubada por dois indivíduos, um deles portando uma faca.
Subtraíram um aparelho celular. 

Rua Afonso Gomes - Ipiranga
Por volta das 18:20 h, policiais militares atenderam uma ocorrência de roubo a taxista.
A vítima,46, narrou que em frente a um shopping, no bairro São Mateus, o passageiro adentrou no veículo e deslocaram para o bairro Santa Efigênia.
Ao atingirem o bairro Ipiranga o passageiro solicitou uma parada, ato contínuo levou a mão na jaqueta, retirou um pedaço de vidro pontiagudo, anunciou o assalto e subtraiu R$ 160,00.

Rua José Calil Ahouagi - Centro 
Por volta das 18:55 h, policiais militares registraram que as vítimas, 15 e 19, teriam sido roubadas por dois indivíduos, um deles portando um revólver. 
Subtraíram R$70,00.

Avenida Getúlio Vargas - Praça Antônio Carlos 
Por volta das 22:20 h, a vítima,19, narrou aos PMs que três indivíduos, um deles portando uma arma de fogo o surpreenderam.
Anunciaram o roubo, subtraíram R$60 e um aparelho celular.

As ocorrências foram registradas nas delegacias e os autores não foram localizados.

O CRUZEIRO COMEÇOU BEM O BRASILEIRÃO 2013



 25/05/2013 - 21:00 - Corinthians-SP 1x1 Botafogo-RJ
25/05/2013 - 18:30 - Vasco da Gama-RJ 1x0 Portuguesa-SP
25/05/2013 - 18:30 - Vitória-BA 2x2 Internacional-RS
26/05/2013 - 16:00 - Ponte Preta-SP 0x2 São Paulo-SP
26/05/2013 - 16:00 - Santos-SP 0x0 Flamengo-RJ
26/05/2013 - 16:00 - Criciúma-SC 3x1 Bahia-BA
26/05/2013 - 16:00 - Grêmio-RS 2x0 Náutico-PE
26/05/2013 - 18:30 - Fluminense-RJ 2x1 Atlético-PR
26/05/2013 - 18:30 - Cruzeiro-MG 5x0 Goiás-GO
26/05/2013 - 18:30 - Coritiba-PR 2x1 Atlético-MG



PRÓXIMA RODADA
29/05/2013 - 19:30 - Botafogo-RJ x Santos-SP
29/05/2013 - 19:30 - Atlético-PR x Cruzeiro-MG
29/05/2013 - 22:00 - Goiás-GO x Corinthians-SP
29/05/2013 - 22:00 - São Paulo-SP x Vasco da Gama-RJ
29/05/2013 - 22:00 - Náutico-PE x Vitória-BA
29/05/2013 - 22:00 - Bahia-BA x Coritiba-PR
29/05/2013 - 22:00 - Atlético-MG x Grêmio-RS
29/05/2013 - 22:00 - Flamengo-RJ x Ponte Preta-SP  (JOGO EM JUIZ DE FORA)
30/05/2013 - 19:30 - Portuguesa-SP x Fluminense-RJ
30/05/2013 - 21:00 - Internacional-RS x Criciúma-SC


Pos.
 
Equipe
P
J
V
E
D
GP
GC
SG
Cruzeiro
Cruzeiro-MG
3
1
1
0
0
5
0
5
São Paulo
São Paulo-SP
3
1
1
0
0
2
0
2
Grêmio
Grêmio-RS
3
1
1
0
0
2
0
2
Criciuma
Criciúma-SC
3
1
1
0
0
3
1
2
Vitória
Coritiba-PR
3
1
1
0
0
2
1
1
Fluminense
Fluminense-RJ
3
1
1
0
0
2
1
1
Coritiba
Vasco da Gama-RJ
3
1
1
0
0
1
0
1
Vitória-BA
Vitória-BA
1
1
0
1
0
2
2
0
Internacional
Internacional-RS
1
1
0
1
0
2
2
0
10º
Corinthians
Corinthians-SP
1
1
0
1
0
1
1
0
11°
Botafogo
Botafogo-RJ
1
1
0
1
0
1
1
0
12º
Santos
Santos-SP
1
1
0
1
0
0
0
0
13º
Flamengo
Flamengo-RJ
1
1
0
1
0
0
0
0
14º
Atlético/MG
Atlético-MG
0
1
0
0
1
1
2
-1
15º
Atlético-PR
Atlético-PR
0
1
0
0
1
1
2
-1
16º
 São Caetano
Portuguesa-SP
0
1
0
0
1
0
1
-1
17º
Barueri
Bahia-BA
0
1
0
0
1
1
3
-2
18º
São Caetano
Ponte Preta-SP
0
1
0
0
1
0
2
-2
19º
Náutico
Náutico-PE
0
1
0
0
1
0
2
-2
20º
Goiás
Goiás-GO
0
1
0
0
1
0
5
-5